24jul

E se o gerente for grosseiro?

Para fazer o download do podcast, clique em E se o gerente for grosseiro?

Transcrição do áudio:

Pergunta de uma ouvinte da cidade de Três Corações:

Branquinho, minha gerente chamou minha atenção na frente de uma colega de trabalho.

Disse que eu não sabia vender.

Eu sei sim, já trabalhei em outra loja e nunca tive reclamação.

Fiquei muito brava e não voltei pra trabalhar. Você acha que ele poderia chamar minha

atenção na frente de outra vendedora?

Não.

Ela não poderia.

Mas no final das contas que está errada é você.

Você não deveria abandonar o emprego ou pedir demissão porque sua gerente reclamou de você ou foi grosseira.

Infelizmente, algumas pessoas abusam do poder que tem.

E se a situação for realmente vergonhosa, é um caso de assédio moral.

Mas, pelo que você me contou, não parece que a situação foi tão grave assim.

E independente de você voltar a trabalhar nesta empresa ou em qualquer outra,

esta situação tem grandes chances de se repetir, com um outro chefe ou com um outro colega de trabalho.

E quando acontecer de novo, faça da seguinte forma:

Chame a pessoa em uma área reservada da empresa e diga, com educação, que não gostou.

Diga que não há necessidade de chamar sua atenção na frente de outras pessoas.

Diga também que se fez alguma coisa errada, está disposta a aprender.

Agir assim, não é levar desaforo pra casa.

É ter uma postura profissional quando a sua gerente não tem.

Leandro Branquinho para o radiovendas.com

Áudio originalmente veiculado no dia 24-07-12 nas seguintes emissoras:

Rádio Educativa – 105,9 FM – Três Corações – MG

Rádio Cidade – 87,9 FM – Campos Gerais – MG

Rádio Unifei – 1570 AM – Itajubá – MG

Share this Story

About Leandro Branquinho

Top Palestrante de Vendas Autor do Rádio Vendas Colunista da Revista VendaMais Colaborador de Grandes Portais como Falando de Varejo e A Magia do Mundo dos Negócios Em 2016, viajou o país do Oiapoque ao Chuí em busca do Melhor Vendedor do Brasil

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

© Leandro Branquinho 2017, All Rights Reserved